Tribunal Especial determina afastamento provisório do governador Moisés e Daniela Reinehr vai assumir o comando do Estado interinamente

Sessão do tribunal especial durou aproximadamente 15 horas e terminou na madrugada de sábado (24) FOTO: Rodolfo Espínola/Agência AL

O Tribunal Especial de Julgamento do primeiro pedido de impeachment determinou, na madrugada deste sábado (24), o afastamento provisório do governador Carlos Moisés (PSL). O colegiado acatou parcialmente o relatório do deputado Kennedy Nunes (PSD), que previa a aceitação de denúncia contra o governador e, também, contra a vice-governadora.

Foram seis votos favoráveis e quatro votos contrários ao prosseguimento do processo para julgamento do governador. No caso da vice-governadora, houve empate em 5 a 5, o que levou o presidente do colegiado, o desembargador Ricardo Roesler, a proferir o voto de minerva pelo arquivamento do processo contra Daniela Reinehr (sem partido).

Com a decisão, Moisés será afastado temporariamente por até 180 dias para a conclusão do julgamento no Tribunal Especial. O governador responde por crime de responsabilidade na concessão de reajuste salarial para os procuradores do Estado. A vice-governadora assumirá o comando do Estado interinamente.

Fonte: Rádio AL

Compartilhar
“O espaço para a participação dos ouvintes internautas no site da Rádio Nereu Ramos, tem como missão principal promover o debate dos assuntos de interesse da sociedade e que são abordados pelo jornalismo da emissora.
Comentários que contenham palavrões, ataques e ameaças pessoais ou que incentivem a violência, discriminação ou ódio contra uma pessoa ou grupo de pessoas devido à religião, raça, origem ou ideologia política, serão sumariamente excluídos.
Também não serão permitidas postagens com conteúdo comercial. Ofertas de produtos são proibidas, assim como publicar endereço de sites que façam vendas online e banner publicitários.
A responsabilidade civil e penal sobre o conteúdo publicado é do autor do conteúdo enviado para o site da emissora.”