Prefeito de Indaial reduz salários da equipe de governo, comissionados e gratificações em 30%

Foto: Divulgação/PMI

O prefeito de Indaial, André Mozer (PSDB), anunciou na manhã desta sexta-feira (3), que vai reduzir salários como medida econômica para investir na saúde do município. A redução, segundo ele, será de 30% no salário dele e do vice-prefeito, dos secretários municipais, comissionados e nas gratificações.

Mozer disse que a cidade tem de se preparar para “algo incerto ainda desta pandemia”. A redução dos salários, segundo o prefeito, é uma forma de tentar “garantir a proteção, estrutura e qualidade de vida de Indaial”.

Pomerode também quer reduzir

O prefeito de Pomerode, Ércio Kriek (DEM), pretende reduzir salários em 20%. A proposta, que será encaminhada à Câmara de Vereadores, prevê redução do salário do prefeito, vice-prefeita, secretários, comissionados e gratificações.

A intenção é que a medida tenha validade para os meses de abril e maio. A redução busca equilibrar as finanças em meio a queda de arrecadação com a pandemia do coronavírus.

 

Compartilhar
“O espaço para a participação dos ouvintes internautas no site da Rádio Nereu Ramos, tem como missão principal promover o debate dos assuntos de interesse da sociedade e que são abordados pelo jornalismo da emissora.
Comentários que contenham palavrões, ataques e ameaças pessoais ou que incentivem a violência, discriminação ou ódio contra uma pessoa ou grupo de pessoas devido à religião, raça, origem ou ideologia política, serão sumariamente excluídos.
Também não serão permitidas postagens com conteúdo comercial. Ofertas de produtos são proibidas, assim como publicar endereço de sites que façam vendas online e banner publicitários.
A responsabilidade civil e penal sobre o conteúdo publicado é do autor do conteúdo enviado para o site da emissora.”