Parque das Itoupavas será aberto ao público na próxima semana em Blumenau

O parque das Itoupavas, em Blumenau, será aberto ao público na segunda-feira (12), pouco mais de cinco anos depois do início das obras e muitos prazos não cumpridos. A confirmação da data foi feita na noite desta quinta-feira (8) pelo secretário de Turismo, Marcelo Greuel, que fez uma visita técnica ao local junto com o prefeito Mário Hildebrandt (Podemos) e outras autoridades.

A abertura ocorrerá no mesmo dia em que a prefeitura voltará a permitir a circulação de pessoas também no parque Ramiro Ruediger, fechado desde o final de fevereiro por conta das restrições da pandemia. No entanto, tanto o parque das Itoupavas quanto o da região central permitirão apenas a prática de exercícios físicos de forma individual, conforme estabelece o decreto estadual em vigor.

O parque funcionará diariamente, das 5h às 22h, mas não será permitida a permanência no local para lazer. As medidas preventivas, como a utilização de máscara e distanciamento social, também serão exigidas. 

— Várias adequações foram feitas ao longo dos últimos meses à estrutura do parque, que foi idealizado e projetado há muitos anos pelo arquiteto Egon Belz. Com certeza uma conquista para a comunidade da região Norte de Blumenau — disse o prefeito. 

Similar ao Ramiro Ruediger, o espaço conta com gramados para piquenique, jardins, pet place, quadra de esportes multiuso, cancha de bocha, playground, academia ao ar livre, pista de caminhada e corrida, pista para bicicleta, quadra de vôlei de areia e basquete, entre outros.

Acesso

Com veículos, as pessoas poderão acessar o parque pela BR-470. Já pedestres e ciclistas podem utilizar as calçadas e ciclofaixas da rua 1º de Janeiro. Também é possível chegar ao local com uso do transporte coletivo, por meio da linha 111 – Santa Clara/Fidélis.

Food trucks

A prefeitura lançou no mês passado uma chamada para credenciar interessados em explorar food trucks no espaço pelo prazo de pelo menos um ano. O edital foi prorrogado no final de março e os documentos podem ser entregues até o próximo dia 30.

Será permitida uma quantidade ilimitada de food trucks, mas somente quatro carros de comida poderão operar simultaneamente no parque – haverá revezamento a cada 15 dias, se for necessário. Eles poderão vender salgados e doces. Bebidas alcoólicas são proibidas.

Espaço para BMX e Skate

Além do Parque, nas proximidades será construída área exclusiva para esportes radicais, com pista de BMX e skate. A estrutura terá condições para receber campeonatos oficiais nas modalidades. Também terá tenda multiuso, estacionamento e uma área elevada, integrada a toda a área de lazer. 

Uma via de acesso exclusiva foi projetada para acesso a esse novo espaço. Por enquanto, não há prazo para o projeto sair do papel. 

Muda de árvore plantada por Fritz Müller

Na visita técnica que aconteceu nesta quinta, uma equipe da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Sustentabilidade fez, junto a Hildebrandt, o plantio de uma muda tirada de um pé de carambola que o Fritz Müller plantou. Ela ficará em uma área especial do parque das Itoupavas. 

Histórico conturbado

A inauguração do parque tem sido postergada há anos. Isso porque a prefeitura de Blumenau, responsável pela obra, precisou adiar a entrega devido ao cronograma do DNIT da duplicação da BR-470. Havia a previsão da construção da alça de acesso que passaria pela estrutura, o que gerou um impasse. Inicialmente os trabalhos custariam R$ 2,8 milhões, porém a readequação do projeto fez o valor aumentar 42% — chegando a R$ 4 milhões.

Com os equipamentos instalados, a falta de uso gerou depredação e obrigou, inclusive, a retirada de itens como o parquinho, academia ao ar livre e postes. A casa em arquitetura enxaimel, que ficava na entrada da Vila Itoupava e foi levada ao Parque das Itoupavas, virou abrigo para moradores de rua e usuários de drogas.

Compartilhar
“O espaço para a participação dos ouvintes internautas no site da Rádio Nereu Ramos, tem como missão principal promover o debate dos assuntos de interesse da sociedade e que são abordados pelo jornalismo da emissora.
Comentários que contenham palavrões, ataques e ameaças pessoais ou que incentivem a violência, discriminação ou ódio contra uma pessoa ou grupo de pessoas devido à religião, raça, origem ou ideologia política, serão sumariamente excluídos.
Também não serão permitidas postagens com conteúdo comercial. Ofertas de produtos são proibidas, assim como publicar endereço de sites que façam vendas online e banner publicitários.
A responsabilidade civil e penal sobre o conteúdo publicado é do autor do conteúdo enviado para o site da emissora.”