Maçonaria/SC divulga nota de repúdio contra interferência em investigações de corrupção

A Maçonaria Catarinense divulgou nesta semana uma nota em que divulga ser contra a corrupção e a impunidade. Também critica ações que possam vir a prejudicar as investigações em andamento.

Confira a nota:

A Maçonaria Catarinense, que tem como princípios a ética, a moralidade e os bons costumes, vem a público externar o seu repúdio contra todo e qualquer ato que vise impedir ou dificultar a realização a Justiça. No Estado Democrático de Direito, as instituições devem ser fortes e atuantes em benefício da Sociedade, de modo que o império da lei alcance todos os cidadãos, indistintamente. Deste modo, manifesta seu irrestrito apoio e solidariedade ao Departamento de Polícia Federal, ao Ministério Público Federal e à Justiça Federal no que concerne à Operação Lava Jato, que apura o maior escândalo de corrupção da história do País. Parabenizamos as autoridades que estão à frente dos órgãos aqui referidos, na certeza que o Brasil será melhor a partir de agora. Seguimos trabalhando por um Brasil mais justo, próspero e fraterno”.

O documento é assinado por J. Paulo Sventnickas, Grão-Mestre do GOSC; João Eduardo Noal Berbigier, Grão-Mestre da GLSC; Adalberto Aluízio Eyng, Grão-Mestre do GOB-SC.

Compartilhar
“O espaço para a participação dos ouvintes internautas no site da Rádio Nereu Ramos, tem como missão principal promover o debate dos assuntos de interesse da sociedade e que são abordados pelo jornalismo da emissora.
Comentários que contenham palavrões, ataques e ameaças pessoais ou que incentivem a violência, discriminação ou ódio contra uma pessoa ou grupo de pessoas devido à religião, raça, origem ou ideologia política, serão sumariamente excluídos.
Também não serão permitidas postagens com conteúdo comercial. Ofertas de produtos são proibidas, assim como publicar endereço de sites que façam vendas online e banner publicitários.
A responsabilidade civil e penal sobre o conteúdo publicado é do autor do conteúdo enviado para o site da emissora.”