Descentralização de atendimento agiliza a confecção de carteiras de trabalho

Intendências do Garcia e Vila Itoupava auxiliam a Gerência do Ministério do Trabalho de Blumenau que tem déficit de pessoal.

A descentralização do atendimento para confecção da carteira de trabalho pode ajudar a diminuir o tempo de espera pelo documento na Gerência do Ministério do Trabalho em Blumenau. A abertura de postos nas intendências da Vila Itoupava e Garcia surgiu com a demanda reprimida de atendimento devido a intensa procura durante as férias escolares. Outro fator decisivo foi a diminuição de 11 para seis funcionários na gerência.

O responsável pelo local, Jacinto Fernando Stefanello, informou que atualmente apenas dois funcionários estão atendendo os interessados em fazer a carteira de trabalho. Desde o dia 15 de dezembro o agendamento passou a ser realizado pela internet, mas o período de 20 dias de prazo para atendimento não está sendo cumprido. Agora, com mais dois locais disponíveis, a situação deve mudar. Além disso, novos servidores devem reforçar o atendimento a partir de abril quando serão distribuídos os aprovados em concurso público.

A Gerência do Ministério do Trabalho em Blumenau abrange a região do Litoral ao Alto Vale do Itajaí. Ao todo são confeccionadas cerca de 2.500 carteiras de trabalho por semana, durante o período de férias escolares. O site para agendar o atendimento na gerência do trabalho é  www.saa.mte.gov.br. Nas intendências da Vila Itoupava e Garcia não é necessário fazer agendamento. Basta comparecer com os documentos pessoais e foto 3×4.

Compartilhar
“O espaço para a participação dos ouvintes internautas no site da Rádio Nereu Ramos, tem como missão principal promover o debate dos assuntos de interesse da sociedade e que são abordados pelo jornalismo da emissora.
Comentários que contenham palavrões, ataques e ameaças pessoais ou que incentivem a violência, discriminação ou ódio contra uma pessoa ou grupo de pessoas devido à religião, raça, origem ou ideologia política, serão sumariamente excluídos.
Também não serão permitidas postagens com conteúdo comercial. Ofertas de produtos são proibidas, assim como publicar endereço de sites que façam vendas online e banner publicitários.
A responsabilidade civil e penal sobre o conteúdo publicado é do autor do conteúdo enviado para o site da emissora.”