Blumenau tem novas flexibilizações no transporte coletivo

Foto: Eraldo Schnaider / Prefeitura de Blumenau

Em reunião nesta terça-feira, dia 13, entre Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes (Seterb) e empresa concessionária, foram definidas novas medidas para o transporte coletivo no município.

A partir desta quarta-feira, dia 14, a operação será ampliada no período da tarde. Dessa forma, funcionará das 4h às 8h30, das 11h30 às 19h30 e das 21h30 às 22h40. Ficou estabelecido também que a operação dos ônibus entre 8h30 e 11h30 será retomada na próxima quarta-feira, dia 21.

Capacidade de ocupação dos ônibus é ampliada

Os ônibus do transporte coletivo no município estão autorizados a circular com até 75% da ocupação a partir desta segunda-feira, dia 19. A decisão foi tomada com base no cenário atual e dos resultados obtidos no combate à pandemia em Blumenau.

Pagamento em dinheiro

Na próxima segunda-feira, dia 19, retorna o pagamento das passagens em dinheiro diretamente nos ônibus e não mais apenas para acesso ao sistema nos terminais e para o pagamento de recargas na Central de Atendimento e terminais.

O uso de notas e moedas nos coletivos havia sido suspenso como medida de prevenção ao contágio pelo Coronavírus. Além disso, ficou acordado que a Central de Atendimento da Blumob retomará o funcionamento a partir deste sábado, dia 17.

Compartilhar
“O espaço para a participação dos ouvintes internautas no site da Rádio Nereu Ramos, tem como missão principal promover o debate dos assuntos de interesse da sociedade e que são abordados pelo jornalismo da emissora.
Comentários que contenham palavrões, ataques e ameaças pessoais ou que incentivem a violência, discriminação ou ódio contra uma pessoa ou grupo de pessoas devido à religião, raça, origem ou ideologia política, serão sumariamente excluídos.
Também não serão permitidas postagens com conteúdo comercial. Ofertas de produtos são proibidas, assim como publicar endereço de sites que façam vendas online e banner publicitários.
A responsabilidade civil e penal sobre o conteúdo publicado é do autor do conteúdo enviado para o site da emissora.”