Blumenau reduz em 61,7% fila de espera para vagas em creches municipais

Foto: Divulgação / Prefeitura de Blumenau

A Secretaria de Educação de Blumenau chegou a um resultado inédito da redução da fila de espera por vagas nas creches municipais, para crianças de zero até 4 anos. A redução em 2021 foi de 61,7% em comparação ao ano passado. Historicamente Blumenau apresentava uma média de cinco mil crianças aguardando vaga.

A Secretária de Educação, Patrícia Lueders, relembra que nos últimos dois anos o número decaiu. “Desde 2019, conseguimos diminuir a quantidade de crianças na fila de espera para 2.600 e hoje está em 994 vagas, devido à compra e otimização de vagas feita pela Semed”, afirma.

Vale ressaltar que as vagas em creche são oferecidas em período integral para os pais e/ou responsáveis que comprovem que trabalham integralmente em horário comercial, e na pré-escola o período é parcial.

O Edital de Credenciamento de Instituições Educacionais Privadas, para compra de vagas por parte da Prefeitura, para atender crianças de zero a três anos, foi lançado no início de 2020. “A compra destas vagas foi um grande avanço para Educação Infantil, além de proporcionar uma diminuição considerável da fila”, conta Patrícia Lueders.

Confira a quantidade de crianças na fila de espera:

Crianças de 0 a 1 ano : 247

Crianças de  1 a 2 anos: 455

Crianças de  2 a 3 anos: 204

Crianças de  3 a 4 anos: 88

Compartilhar
“O espaço para a participação dos ouvintes internautas no site da Rádio Nereu Ramos, tem como missão principal promover o debate dos assuntos de interesse da sociedade e que são abordados pelo jornalismo da emissora.
Comentários que contenham palavrões, ataques e ameaças pessoais ou que incentivem a violência, discriminação ou ódio contra uma pessoa ou grupo de pessoas devido à religião, raça, origem ou ideologia política, serão sumariamente excluídos.
Também não serão permitidas postagens com conteúdo comercial. Ofertas de produtos são proibidas, assim como publicar endereço de sites que façam vendas online e banner publicitários.
A responsabilidade civil e penal sobre o conteúdo publicado é do autor do conteúdo enviado para o site da emissora.”