Após duas semanas, Médio Vale volta para risco grave de coronavírus

Matriz de Risco Potencial, divulgada nesta quarta-feira (20) pela Secretaria de Estado da Saúde (SES), classifica nove das 16 regiões de saúde catarinenses como em alerta gravíssimo (vermelha) para transmissão do novo coronavírus. No último boletim, publicado no dia 13, eram 13 as regiões no patamar mais alto para o risco de transmissão.

As regiões do Alto Vale do Itajaí, Carbonífera, Extremo Oeste, Extremo Sul Catarinense, Laguna, Médio Vale do Itajaí e Xanxerê foram classificadas em nível grave (cor laranja). Assim, são sete regiões neste patamar.

Em relação aos dados da última semana, quatro regiões foram reclassificadas do nível gravíssimo para o grave: Extremo Oeste, Laguna, Extremo Sul e Xanxerê. A Grande Florianópolis retornou para o nível gravíssimo após permanecer uma semana no nível grave, estando com os níveis de monitoramento, transmissibilidade e óbitos no patamar mais alto de atenção. O Extremo Sul Catarinense é o que apresenta o nível de capacidade de atenção mais confortável, apresentando o nível moderado.

A epidemiologista Maria Cristina Willemann destacou que seis regiões do estado apresentam ocupação dos leitos de UTI Covid inferior a 70%. “O número de óbitos e casos registrados nesta semana, se comparado com a última matriz, permanece estável”, disse.

Compartilhar
“O espaço para a participação dos ouvintes internautas no site da Rádio Nereu Ramos, tem como missão principal promover o debate dos assuntos de interesse da sociedade e que são abordados pelo jornalismo da emissora.
Comentários que contenham palavrões, ataques e ameaças pessoais ou que incentivem a violência, discriminação ou ódio contra uma pessoa ou grupo de pessoas devido à religião, raça, origem ou ideologia política, serão sumariamente excluídos.
Também não serão permitidas postagens com conteúdo comercial. Ofertas de produtos são proibidas, assim como publicar endereço de sites que façam vendas online e banner publicitários.
A responsabilidade civil e penal sobre o conteúdo publicado é do autor do conteúdo enviado para o site da emissora.”