Vingança pode ter motivado assassinato de camareira

O delegado Bruno Effori, responsável pela investigação do assassinato de Marta Dias dos Santos, de 45 anos, acredita que a motivação do crime pode ter sido vingança. A suspeita se deve ao requinte de crueldade utilizado na morte.
A mulher, que trabalhava como camareira de um hotel na Ponta Aguda, foi violentada e espancada no Bairro Itoupavazinha. Segundo o delegado, ainda não há suspeitos para o crime, mas a polícia trabalha com a hipótese que vítima e criminoso se conheciam.

Compartilhar
“O espaço para a participação dos ouvintes internautas no site da Rádio Nereu Ramos, tem como missão principal promover o debate dos assuntos de interesse da sociedade e que são abordados pelo jornalismo da emissora.
Comentários que contenham palavrões, ataques e ameaças pessoais ou que incentivem a violência, discriminação ou ódio contra uma pessoa ou grupo de pessoas devido à religião, raça, origem ou ideologia política, serão sumariamente excluídos.
Também não serão permitidas postagens com conteúdo comercial. Ofertas de produtos são proibidas, assim como publicar endereço de sites que façam vendas online e banner publicitários.
A responsabilidade civil e penal sobre o conteúdo publicado é do autor do conteúdo enviado para o site da emissora.”