Servidores não aceitam proposta do prefeito e greve continua em Blumenau

Em assembléia realizada no final da manhã desta quinta-feira os servidores públicos de Blumenau decidiram pela manutenção da greve que já dura nove dias. A categoria não aceitou o pedido do prefeito Napoleão Bernardes de retornar ao trabalho e manter o estado de greve, enquanto as negociações sobre a reposição das perdas salariais seriam mantidas por um período de 15 dias.

O prefeito chamou os representantes do Sintraseb para uma reunião no meio da manhã quando fez o pedido. Já no encontro os representantes teriam previsto o resultado da assembléia.

A greve começou no dia 21 motivada pela falta de acordo no reajuste salarial. Os servidores pedem a reposição de perdas salariais. O governo oferece o índice da inflação como reajuste. O movimento dos funcionários da Prefeitura ganhou adesão de motoristas e cobradores de ônibus que anunciaram uma paralisação de 1h a 2h no transporte coletivo para esta quinta-feira.

Compartilhe

PinIt
“O espaço para a participação dos ouvintes internautas no site da Rádio Nereu Ramos, tem como missão principal promover o debate dos assuntos de interesse da sociedade e que são abordados pelo jornalismo da emissora.
Comentários que contenham palavrões, ataques e ameaças pessoais ou que incentivem a violência, discriminação ou ódio contra uma pessoa ou grupo de pessoas devido à religião, raça, origem ou ideologia política, serão sumariamente excluídos.
Também não serão permitidas postagens com conteúdo comercial. Ofertas de produtos são proibidas, assim como publicar endereço de sites que façam vendas online e banner publicitários.
A responsabilidade civil e penal sobre o conteúdo publicado é do autor do conteúdo enviado para o site da emissora.”