Servidores do INSS de Blumenau entram em greve e segurados ficam sem atendimento

Foto: Augusto Ittner/RNR.

Muitos segurados foram pegos de surpresa pelo primeiro dia de greve dos servidores da Previdência Social de Blumenau. Quem tinha atendimento agendado para esta quinta-feira, foi até a agência e se deparou com as portas fechadas. O atendimento foi suspenso porque os funcionários decidiram aderir a Greve Nacional da categoria.

Os trabalhadores do INSS pedem aumento de salarial de 27,5% e que as gratificações atuais sejam incorporadas aos salários. A categoria reivindica também a implantação de um plano de cargos e carreira, realização de concurso público para contratação de novos funcionários e melhores condições de trabalhos. O governo federal ofereceu aumento salarial de 21,3%, divididos em quatro parcelas entre 2016 e 2019. A categoria rejeitou a oferta.

Em nota, o Ministério da Previdência Social informa que os atendimentos não realizados em razão da greve serão remarcados pelo INSS. Para evitar prejuízo financeiro aos segurados, O INSS vai considerar a primeira data de agendamento para entrada de requerimento. A nota informa que outras informações podem ser obtidas através do número 135.

Compartilhe

PinIt
“O espaço para a participação dos ouvintes internautas no site da Rádio Nereu Ramos, tem como missão principal promover o debate dos assuntos de interesse da sociedade e que são abordados pelo jornalismo da emissora.
Comentários que contenham palavrões, ataques e ameaças pessoais ou que incentivem a violência, discriminação ou ódio contra uma pessoa ou grupo de pessoas devido à religião, raça, origem ou ideologia política, serão sumariamente excluídos.
Também não serão permitidas postagens com conteúdo comercial. Ofertas de produtos são proibidas, assim como publicar endereço de sites que façam vendas online e banner publicitários.
A responsabilidade civil e penal sobre o conteúdo publicado é do autor do conteúdo enviado para o site da emissora.”