SC confirma primeiro caso de malária no estado em 2019

A Vigilância Epidemiológica de Santa Catarina confirmou um caso importado de malária em Joinville. A paciente contraiu a doença após uma viagem para Moçambique.

Os exames confirmatórios para malária são feitos na rede estadual e os medicamentos para tratamento da doença estão distribuídos nas Gerências Regionais de Saúde.

A malária é uma doença infecciosa causada por protozoários e transmitida ao homem por mosquitos do gênero Anopheles, produzindo febre, além de outros sintomas. Por ser uma doença grave é necessário que a suspeição ocorra precocemente. O mais comum em Santa Catarina são casos importados da doença.

Nos últimos três anos, o Estado identificou apenas três casos de malária de Mata Atlântida, sendo dois casos em Joinville em 2016 e um caso de malária em Rio do Oeste, em 2019.

Compartilhe

PinIt
“O espaço para a participação dos ouvintes internautas no site da Rádio Nereu Ramos, tem como missão principal promover o debate dos assuntos de interesse da sociedade e que são abordados pelo jornalismo da emissora.
Comentários que contenham palavrões, ataques e ameaças pessoais ou que incentivem a violência, discriminação ou ódio contra uma pessoa ou grupo de pessoas devido à religião, raça, origem ou ideologia política, serão sumariamente excluídos.
Também não serão permitidas postagens com conteúdo comercial. Ofertas de produtos são proibidas, assim como publicar endereço de sites que façam vendas online e banner publicitários.
A responsabilidade civil e penal sobre o conteúdo publicado é do autor do conteúdo enviado para o site da emissora.”