Santa Catarina registra primeira morte de profissional da Saúde por coronavírus

Foto: Robson Valverde / SES

O médico Gastão Dias Júnior, que trabalhava no Hospital Ruth Cardoso, em Balneário Camboriú, é o primeiro profissional a Saúde a morrer devido a Covid-19 no estado. A informação foi confirmada nesta quinta-feira (23), pelo governador Carlos Moisés (PSL), durante entrevista coletiva.

“É uma pessoa que estava na linha de frente do combate ao coronavírus, registramos o nosso pesar à família e à família da saúde em Santa Catarina, que lida diariamente com doenças infecciosas, agora com o novo coronavírus. Quem se envolve nessa missão são pessoas especiais”, afirmou o governador.

Outras duas mortes também foram confirmadas nesta quinta-feira. Uma mulher de 74 anos de Balneário Camboriú e um homem de 62 anos de Itajaí. Ao todo são 42 óbitos registrados em Santa Catarina devido ao coronavírus, em 26 municípios.

O estado tem 1.170 casos confirmados com registros em 104 cidades. Florianópolis (249), Joinville (114) e Blumenau (100), são os municípios com maior número de infectados.

Compartilhar
“O espaço para a participação dos ouvintes internautas no site da Rádio Nereu Ramos, tem como missão principal promover o debate dos assuntos de interesse da sociedade e que são abordados pelo jornalismo da emissora.
Comentários que contenham palavrões, ataques e ameaças pessoais ou que incentivem a violência, discriminação ou ódio contra uma pessoa ou grupo de pessoas devido à religião, raça, origem ou ideologia política, serão sumariamente excluídos.
Também não serão permitidas postagens com conteúdo comercial. Ofertas de produtos são proibidas, assim como publicar endereço de sites que façam vendas online e banner publicitários.
A responsabilidade civil e penal sobre o conteúdo publicado é do autor do conteúdo enviado para o site da emissora.”