Prefeito de Guabiruba é eleito presidente da Ammvi

Foto: Divulgação/AMMVI

O prefeito de Guabiruba, Matias Kohler, foi eleito e empossado presidente da Associação dos Municípios do Médio Vale do Itajaí (Ammvi). A eleição aconteceu durante assembleia geral de prefeitos, realizada virtualmente, na manhã desta quarta-feira (1º).

Ao lado do novo presidente, estarão os prefeitos de Benedito Novo, Jean Michel Grundmann, como vice-presidente Institucional; de Botuverá, José Luiz Colombi, como vice-presidente de Políticas Públicas; e de Rodeio, Paulo Roberto Weiss, como tesoureiro.

Kohler substitui o prefeito Mário Hildebrandt, de Blumenau, que comandou a Associação desde fevereiro de 2019. Durante a assembleia, os prefeitos trataram ainda de saúde pública, situação dos municípios no combate ao novo coronavírus, cenário econômico e demais medidas de enfrentamento ao Covid-10 e os impactos na região.

Presidente eleito

Filho de Erico Kohler e Olívia Wippel Kohler (in memoriam), Matias Kohler é casado, pai de cinco filhos e empresário. Foi vereador de 1993 a 1996 e 2009 a 2013, sendo o legislador mais votado nas eleições de 2009. Também foi presidente da Câmara Municipal de Vereadores em 2009 e 2010, além de diretor geral da Câmara de 1997 a 1999.

De 2001 a 2004 foi secretário municipal de Administração e Finanças de Guabiruba. Foi membro e presidente do Coral Cristo Rei; presidente de 2001 a 2009 na Associação Hospitalar de Guabiruba e sócio fundador da Associação Catarinense de Intercâmbio e Cultura (ACIC) e da Associação para o Desenvolvimento Rural de Guabiruba.

Compartilhar
“O espaço para a participação dos ouvintes internautas no site da Rádio Nereu Ramos, tem como missão principal promover o debate dos assuntos de interesse da sociedade e que são abordados pelo jornalismo da emissora.
Comentários que contenham palavrões, ataques e ameaças pessoais ou que incentivem a violência, discriminação ou ódio contra uma pessoa ou grupo de pessoas devido à religião, raça, origem ou ideologia política, serão sumariamente excluídos.
Também não serão permitidas postagens com conteúdo comercial. Ofertas de produtos são proibidas, assim como publicar endereço de sites que façam vendas online e banner publicitários.
A responsabilidade civil e penal sobre o conteúdo publicado é do autor do conteúdo enviado para o site da emissora.”