Pandemia do coronavírus não afeta volume de transplantes realizados no Hospital Santa Isabel

Foto: Equipe Transplante/HSI

Mesmo com todas as restrições da pandemia do coronavírus, o hospital Santa Isabel de Blumenau realizou mais transplantes nos primeiros cinco meses deste ano do que no mesmo período do ano passado. Entre janeiro e maio foram 99 procedimentos. Um a mais do que em 2019, que foram 98.

Neste ano foram 55 transplantes de rins, 38 de fígados, três pares de córneas, dois pâncreas e rim conjugados e um coração.

O Santa Isabel é um dos hospitais que mais realiza transplantes de órgãos no Brasil pelo SUS. O reconhecimento veio no ano passado, quando Blumenau foi escolhida como a Capital Estadual dos Transplantes, inspirada pelo trabalho realizado no hospital.

O Serviço de Transplantes de Órgãos do Santa Isabel registrou queda no número de procedimentos apenas no mês de março, quando teve início o isolamento social em Santa Catarina. Depois de ajustes internos os atendimentos foram retomados.

Compartilhar
“O espaço para a participação dos ouvintes internautas no site da Rádio Nereu Ramos, tem como missão principal promover o debate dos assuntos de interesse da sociedade e que são abordados pelo jornalismo da emissora.
Comentários que contenham palavrões, ataques e ameaças pessoais ou que incentivem a violência, discriminação ou ódio contra uma pessoa ou grupo de pessoas devido à religião, raça, origem ou ideologia política, serão sumariamente excluídos.
Também não serão permitidas postagens com conteúdo comercial. Ofertas de produtos são proibidas, assim como publicar endereço de sites que façam vendas online e banner publicitários.
A responsabilidade civil e penal sobre o conteúdo publicado é do autor do conteúdo enviado para o site da emissora.”