Lenilso assume cadeira na Câmara de Blumenau por 30 dias

O terceiro suplente de vereador do Partido dos Trabalhadores, Lenilso Luís da Silva, vai tomar posse na Câmara de Vereadores durante a sessão ordinária da próxima terça-feira (7). Ele assume a cadeira do vereador Adriano Pereira (PT), que solicitou licença pelo período de 30 dias, sendo 15 dias para tratamento de saúde e 15 dias para tratar de assuntos de interesse particular. Jefferson Forest e Vanderlei de Oliveira, primeiro e segundo suplentes, respectivamente, abriram mão da vaga.

Lenilso Silva recebeu 1.267 votos nas eleições de 2016. Ele é educador popular e acadêmico de História. Iniciou sua trajetória no movimento estudantil, na Escola Básica Municipal Leoberto Leal e na EEB Pedro II. Também foi aluno da Promenor.

É ativista pelos Direitos Humanos em Blumenau. Ajudou a construir vários coletivos de luta na cidade, como por exemplo contra o racismo e na defesa dos direitos da população LGBT (Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais). A defesa do Estado laico e o reconhecimento das religiões de matrizes africanas (Umbanda e Candomblé) também fazem parte das pautas defendidas por ele, além do fortalecimento do serviço público e a valorização dos servidores.

Fonte: Assessoria Câmara de Vereadores

Compartilhar
“O espaço para a participação dos ouvintes internautas no site da Rádio Nereu Ramos, tem como missão principal promover o debate dos assuntos de interesse da sociedade e que são abordados pelo jornalismo da emissora.
Comentários que contenham palavrões, ataques e ameaças pessoais ou que incentivem a violência, discriminação ou ódio contra uma pessoa ou grupo de pessoas devido à religião, raça, origem ou ideologia política, serão sumariamente excluídos.
Também não serão permitidas postagens com conteúdo comercial. Ofertas de produtos são proibidas, assim como publicar endereço de sites que façam vendas online e banner publicitários.
A responsabilidade civil e penal sobre o conteúdo publicado é do autor do conteúdo enviado para o site da emissora.”