Jovem vítima de acidente envolvendo o ex-deputado João Pizolatti é liberado pelos médicos para dormir em casa

Foto: João Pizzolatti é atendido por bombeiros após acidente em dezembro de 2017. Reprodução/Notícias Vale do Itajaí.

O Jovem Paulo Marcelo Santos, de 24 anos foi liberado pela equipe médica para dormir em casa nos próximos dias. O jovem passou por onze cirurgias no período de quatro meses que esteve internado.

A alta médica não significa que ele está totalmente recuperado. Paulo vai precisar retornar ao hospital diariamente para acompanhamentos e avaliações médicas. O jovem teve três fraturas nas pernas além de queimaduras de terceiro grau. Os médicos avaliam ainda que ele deve passar por mais alguns procedimentos cirúrgicos nos próximos meses.

O acidente que vitimou Paulo aconteceu em dezembro do ano passado, na rodovia que liga Blumenau a Pomerode. Na ocasião um dos envolvidos era o ex-deputado federal João Pizolatti, que de acordo com populares que prestaram os primeiros socorros, apresentava sinais de embriaguez. Pessoas que estavam no local, logo após o acidente, fizeram vídeos. Em uma destas gravações, Pizolatti admite que estava embriagado.

A Justiça já aceitou a denúncia feita pelo Ministério Público em que acusa o ex-deputado pelos crimes de embriaguez ao volante e tentativa de homicídio doloso. A justiça aguarda agora a defesa se pronunciar depois que receber a intimação judicial.

Compartilhe

PinIt
“O espaço para a participação dos ouvintes internautas no site da Rádio Nereu Ramos, tem como missão principal promover o debate dos assuntos de interesse da sociedade e que são abordados pelo jornalismo da emissora.
Comentários que contenham palavrões, ataques e ameaças pessoais ou que incentivem a violência, discriminação ou ódio contra uma pessoa ou grupo de pessoas devido à religião, raça, origem ou ideologia política, serão sumariamente excluídos.
Também não serão permitidas postagens com conteúdo comercial. Ofertas de produtos são proibidas, assim como publicar endereço de sites que façam vendas online e banner publicitários.
A responsabilidade civil e penal sobre o conteúdo publicado é do autor do conteúdo enviado para o site da emissora.”