Jogadores do Metropolitano deixam gramado reclamando da arbitragem. “O juiz tá com catarata, só pode”

 

Reclamando de dois pênaltis não marcados, um no primeiro tempo em cima de Tiaguinho e outro no final do segundo tempo, em Luiz Ricardo, os jogadores do Metropolitano deixaram o gramado do Estádio Augusto Bauer questionando a arbitragem de William Machado Steffen.

“Foi pênalti ali, o juiz tá com catarata, só pode”, afirmou o atacante Rafinha.

“Lamentável, o árbitro quer aparecer mais do que o jogo, mais do que o espetáculo”, disse o lateral-esquerdo Rafinha.

A diretoria do Metropolitano também se posicionou sobre o assunto. O presidente Ivan Kuhnen, em entrevista ao final da partida, se disse “triste” pela atuação da arbitragem.

“O Brusque jogou muito bem, só que o que mais me deixa triste com o futebol é de que infelizmente hoje ele não foi decidido dentro das quatro linhas. Os dois pênaltis foram um absurdo e nós não podemos mais admitir essas coisas que vem acontecendo no futebol brasileiro, não só em Santa Catarina. Enquanto não mudarem coisas como arbitragem, não adianta derrubar presidente da CBF que não vai mudar absolutamente nada”, disse.

A próxima partida do Metrô acontece somente na próxima quarta-feira, dia 23, às 21h45min contra o Joinville em Jaraguá do Sul.

Compartilhe

PinIt
“O espaço para a participação dos ouvintes internautas no site da Rádio Nereu Ramos, tem como missão principal promover o debate dos assuntos de interesse da sociedade e que são abordados pelo jornalismo da emissora.
Comentários que contenham palavrões, ataques e ameaças pessoais ou que incentivem a violência, discriminação ou ódio contra uma pessoa ou grupo de pessoas devido à religião, raça, origem ou ideologia política, serão sumariamente excluídos.
Também não serão permitidas postagens com conteúdo comercial. Ofertas de produtos são proibidas, assim como publicar endereço de sites que façam vendas online e banner publicitários.
A responsabilidade civil e penal sobre o conteúdo publicado é do autor do conteúdo enviado para o site da emissora.”