Detento do presídio que trabalhava para URB é morto a tiros na Via Expressa

Foto: Marcos Fernandes

Um detento do Presídio Regional de Blumenau foi morto a tiros por volta das 13h30 desta segunda-feira (13) , na Via Expressa, próximo ao CASEP. Ed Carlos Antônio Cardoso cumpria pena por assalto a mão armada. No último dia 1º de março, por estar no regime semi-aberto, ganhou o benefício de trabalhar fora da unidade prisional.

Ele prestava serviço para a URB e no momento do crime, roçava o mato às margens da via. Segundo a Polícia Militar os suspeitos do assassinato seriam integrantes de uma facção criminosa. A Polícia Civil e o IGP foram acionados e começaram a investigar o caso.

Ed Carlos foi atingido por três disparos na cabeça. Os apenados faziam o trabalho sem nenhum tipo de escolta de acordo com testemunhas.

Compartilhar
“O espaço para a participação dos ouvintes internautas no site da Rádio Nereu Ramos, tem como missão principal promover o debate dos assuntos de interesse da sociedade e que são abordados pelo jornalismo da emissora.
Comentários que contenham palavrões, ataques e ameaças pessoais ou que incentivem a violência, discriminação ou ódio contra uma pessoa ou grupo de pessoas devido à religião, raça, origem ou ideologia política, serão sumariamente excluídos.
Também não serão permitidas postagens com conteúdo comercial. Ofertas de produtos são proibidas, assim como publicar endereço de sites que façam vendas online e banner publicitários.
A responsabilidade civil e penal sobre o conteúdo publicado é do autor do conteúdo enviado para o site da emissora.”