Greve dos servidores pode ganhar reforço de motoristas e cobradores de ônibus

Em informativo impresso, Sindetranscol admite paralisações caso prefeito não entre em acordo com servidores. Foto: Rodrigo Vieira/RNR.

O Sindicato dos Motoristas e Cobradores de Ônibus ameaça promover paralisações no transporte coletivo caso o prefeito Napoleão Bernardes não entre em acordo para o fim da greve dos servidores de Blumenau. O apoio ao movimento dos funcionários da Prefeitura foi comunicado através de um informativo impresso distribuído na manhã desta terça-feira aos grevistas.

Segundo informou um dos diretores do Sindetranscol, Cleberson Thiesen, a decisão de apoio partiu de uma reunião e foi motivada pela falta de atendimento em creches e unidades de saúde.

– Se o prefeito não negociar, não sair desse embate, vai sair paralisação sim, afirmou o diretor.

A intenção é de promover paralisações de duas ou três horas por dia em períodos diferenciados. Thiesen também afirmou que a medida já está valendo e que o informativo distribuído hoje serve como um comunicado à população.

Compartilhe

PinIt
“O espaço para a participação dos ouvintes internautas no site da Rádio Nereu Ramos, tem como missão principal promover o debate dos assuntos de interesse da sociedade e que são abordados pelo jornalismo da emissora.
Comentários que contenham palavrões, ataques e ameaças pessoais ou que incentivem a violência, discriminação ou ódio contra uma pessoa ou grupo de pessoas devido à religião, raça, origem ou ideologia política, serão sumariamente excluídos.
Também não serão permitidas postagens com conteúdo comercial. Ofertas de produtos são proibidas, assim como publicar endereço de sites que façam vendas online e banner publicitários.
A responsabilidade civil e penal sobre o conteúdo publicado é do autor do conteúdo enviado para o site da emissora.”