Funcionários do transporte coletivo aguardam regularização de salários após câmara aprovar aporte de R$ 5 milhões em Blumenau

A Câmara de Vereadores aprovou o projeto que autoriza a Prefeitura a repassar R$ 5 milhões para a Blumob. O repasse será feito em duas parcelas de R$ 2,5 milhões, sendo que a primeira pode ser paga hoje.

O repasse foi definido em uma reunião entre o governo municipal, a empresa, representantes dos trabalhadores e da Câmara de Vereadores e busca diminuir os impactos negativos no caixa da empresa com as suspensões do serviço e diminuição de passageiros devido a pandemia.

No acordo firmado na reunião, a Blumob se comprometeu em colocar em dia o salário dos funcionários e o vale alimentação, que em alguns casos, estão atrasados desde julho. Além disso, ficou de fazer um planejamento para implantação de novos horários.

Hoje o transporte coletivo funciona apenas em três turnos diários, no início e final da manhã e final de tarde, o que tem gerado reclamações de usuários. A empresa se comprometeu em ampliar as opções, desde que o dinheiro entre no caixa.

O aporte pode ser um alívio neste momento, mas ainda está longe de ser a solução para o transporte coletivo. O sistema opera em dificuldades em todo o país. Hoje, em Blumenau por exemplo, o transporte é custeado exclusivamente pelo usuário, que banca todos os benefícios e custos. E cada vez mais está pesando no bolso, o que é um dos motivos que está afastando passageiros.

Enquanto isso, a busca é por alternativas que amenizem os custos. Nesta sexta-feira, termina o prazo para os funcionários da Blumob aderirem ao plano de demissão voluntária. Em acordo com o sindicato, ficou definida a meta de 130 saídas voluntárias. A empresa não divulga dados sobre adesão, mas pessoas ligadas aos trabalhadores informaram que até quarta-feira eram cerca de 60 funcionários que haviam solicitado o acordo.

Caso a adesão fique abaixo do total, a Blumob poderá complementar com suspensão de contratos até 31 de dezembro, mas neste caso, mantendo o pagamento do vale alimentação.

Compartilhar
“O espaço para a participação dos ouvintes internautas no site da Rádio Nereu Ramos, tem como missão principal promover o debate dos assuntos de interesse da sociedade e que são abordados pelo jornalismo da emissora.
Comentários que contenham palavrões, ataques e ameaças pessoais ou que incentivem a violência, discriminação ou ódio contra uma pessoa ou grupo de pessoas devido à religião, raça, origem ou ideologia política, serão sumariamente excluídos.
Também não serão permitidas postagens com conteúdo comercial. Ofertas de produtos são proibidas, assim como publicar endereço de sites que façam vendas online e banner publicitários.
A responsabilidade civil e penal sobre o conteúdo publicado é do autor do conteúdo enviado para o site da emissora.”