Funcionários do Casep questionam novo atraso nos salários

Foto ilustrativa

Pouco mais de um mês depois da última greve por conta do atraso de dois meses no salário, em março deste ano, os funcionários do Casep de Blumenau voltam a questionar novos atrasos. De acordo com um dos funcionários da unidade, os vencimentos do mês de abril, que deveriam estar na conta no quinto dia útil, ainda não foram depositados.

Giovani, funcionário do Casep, conta ainda que os agentes recebem ameaças dos responsáveis pela unidade. De acordo com ele, alguns já foram demitidos apenas por cobrar e por ir à imprensa reclamar o falta dos pagamentos. “Estamos sendo pressionados e coagidos à não fazer a cobrança. Não estamos em greve ainda, mas foram palavras da administradora da ONG que se a gente entrar em greve nós seremos suspensos”.

O Casep de Blumenau e de Joinville é administrado por uma ONG, que recebe do governo do estado e repassa para os funcionários. No ano passado oito greves foram registradas pelo menos motivo. Em 2015, caso a nova paralisação se confirme, já será a segunda em quatro meses.

 

.

Compartilhe

PinIt
“O espaço para a participação dos ouvintes internautas no site da Rádio Nereu Ramos, tem como missão principal promover o debate dos assuntos de interesse da sociedade e que são abordados pelo jornalismo da emissora.
Comentários que contenham palavrões, ataques e ameaças pessoais ou que incentivem a violência, discriminação ou ódio contra uma pessoa ou grupo de pessoas devido à religião, raça, origem ou ideologia política, serão sumariamente excluídos.
Também não serão permitidas postagens com conteúdo comercial. Ofertas de produtos são proibidas, assim como publicar endereço de sites que façam vendas online e banner publicitários.
A responsabilidade civil e penal sobre o conteúdo publicado é do autor do conteúdo enviado para o site da emissora.”