Fornecedores de material hospitalar são denunciados por preços abusivos, em Blumenau

O Ministério Público do estado de Santa Catarina denunciou algumas empresas de Blumenau por preços abusivos em máscara, necessários ao combate do novo coronavírus. Segundo apurado pela denúncia, os preços saltaram após o decreto de situação de emergência no estado, de R$ 4 para mais de R$ 70.

Além do abuso no valor, a situação é agravada porque trata-se de um crime contra a saúde pública. O promotor de justiça, Odair Tramontin, responsável pela denúncia, também pediu prisão preventiva e medidas cautelares. Ele comentou o assunto em entrevista ao Jornal da Manhã.

Ouça:

Compartilhar
“O espaço para a participação dos ouvintes internautas no site da Rádio Nereu Ramos, tem como missão principal promover o debate dos assuntos de interesse da sociedade e que são abordados pelo jornalismo da emissora.
Comentários que contenham palavrões, ataques e ameaças pessoais ou que incentivem a violência, discriminação ou ódio contra uma pessoa ou grupo de pessoas devido à religião, raça, origem ou ideologia política, serão sumariamente excluídos.
Também não serão permitidas postagens com conteúdo comercial. Ofertas de produtos são proibidas, assim como publicar endereço de sites que façam vendas online e banner publicitários.
A responsabilidade civil e penal sobre o conteúdo publicado é do autor do conteúdo enviado para o site da emissora.”

Um comentário sobre “Fornecedores de material hospitalar são denunciados por preços abusivos, em Blumenau

  1. Fabiano WEISE da Silva

    Sou síndico do residencial ouro preto .
    Relato que não iremos mais comprar produtos da empresa CBS pois os mesmos cobraram juros abusivos do álcool em gel

Comentários estãp fechados.