Ex-gerente da Faema acusado de corrupção passiva é condenado a mais de 4 anos de prisão

Foto: Divulgação

A justiça de Blumenau condenou o ex-gerente da Faema, Carlos Alberto Gonçalves, pelo crime de corrupção passiva. A pena imposta pelo juiz Frederico Andrade Siegel, da 2ª vara criminal, é de 4 anos e 4 meses de prisão em regime fechado, além de multa.

Gonçalves foi preso no dia 19 de julho suspeito de cobrar 3 mil reais para não multar uma empresa responsável pela construção de algumas casas geminadas no bairro Fortaleza.

O advogado de defesa do ex-gerente, Franklin José de Assis, disse estar surpreso com a decisão e que vai recorrer.

Compartilhe

PinIt
“O espaço para a participação dos ouvintes internautas no site da Rádio Nereu Ramos, tem como missão principal promover o debate dos assuntos de interesse da sociedade e que são abordados pelo jornalismo da emissora.
Comentários que contenham palavrões, ataques e ameaças pessoais ou que incentivem a violência, discriminação ou ódio contra uma pessoa ou grupo de pessoas devido à religião, raça, origem ou ideologia política, serão sumariamente excluídos.
Também não serão permitidas postagens com conteúdo comercial. Ofertas de produtos são proibidas, assim como publicar endereço de sites que façam vendas online e banner publicitários.
A responsabilidade civil e penal sobre o conteúdo publicado é do autor do conteúdo enviado para o site da emissora.”