Essa semana tem novidade em Blumenau

O Prosit Supermercados abre mais uma unidade, agora no bairro da Velha, mantendo a proposta de uma marca ainda nova e a qualidade dos serviços. O Prosit é inaugurado em 26 de novembro de 2013 com a proposta de ser um novo conceito de supermercados em Blumenau. E agora, no dia 18 de fevereiro, às 9h, acontece a abertura das portas do segundo supermercado do grupo Prosit.

A unidade na rua José Reuter, no bairro da Velha, marca também o protagonismo de um novo empreendimento surgindo em um ano de bastante instabilidade financeira.

E o que a população pode esperar do Prosit da Velha? Uma unidade temática com características da cultura germânica e com um modo muito peculiar de atender. O ambiente e tratamento personalizados são a essência da equipe do Prosit que preza pelo conforto dos clientes. Quem faz compras rapidamente passa a fazer parte da rotina da estrutura e facilmente você vai ouvir o atendente chamando o cliente pelo nome.

A proposta é justamente fazer com que todos sintam-se literalmente “em casa”. A nova unidade também mantém a qualidade dos produtos e traz para a região da velha as iguarias típicas do Prosit. A partir de agora a população desta região da cidade vai ter acesso mais fácil, por exemplo, às cucas inovadoras. O sabor linguiça Blumenau é certamente um estímulo para testar o paladar.

Então, fica o convite para você vir fazer um “Prosit” com a gente e conhecer a nova unidade com o mesmo jeito de receber os clientes e amigos.

 

Compartilhar
“O espaço para a participação dos ouvintes internautas no site da Rádio Nereu Ramos, tem como missão principal promover o debate dos assuntos de interesse da sociedade e que são abordados pelo jornalismo da emissora.
Comentários que contenham palavrões, ataques e ameaças pessoais ou que incentivem a violência, discriminação ou ódio contra uma pessoa ou grupo de pessoas devido à religião, raça, origem ou ideologia política, serão sumariamente excluídos.
Também não serão permitidas postagens com conteúdo comercial. Ofertas de produtos são proibidas, assim como publicar endereço de sites que façam vendas online e banner publicitários.
A responsabilidade civil e penal sobre o conteúdo publicado é do autor do conteúdo enviado para o site da emissora.”