Empresa promete frota completa na quarta-feira de carnaval no transporte público de Blumenau

A empresa Piracicabana, que está operando com contrato emergencial no transporte público de Blumenau, anunciou nesta sexta-feira que todos os 190 ônibus devem começar a circular na quarta-feira-feira de carnaval, dia 10. Pela primeira vez, um representante da empresa falou com a imprensa. Segundo o diretor Jurídico e Institucional do Grupo Comporte, Mauricio Queiróz, neste sábado o transporte coletivo vai operar com 70% da frota. No domingo com 40% e na quarta-feira todos os 190 veículos estarão circulando.

O diretor também falou sobre a situação dos ônibus, motivo de reclamação de usuários e trabalhadores. Segundo Queiroz, a empresa teve dificuldade para fechar as equipes de manutenção e limpeza, devido a falta de baixa nas carteiras de trabalho de ex-funcionários das empresas do Consórcio Siga. Ele informou que já a partir deste final de semana as equipes estão completas e o serviço de manutenção será normalizado. Quanto aos veículos, muitos ônibus estavam parados e já à venda.

Sobre o cartão do transporte coletivo, a partir da tarde deste sábado já deve começar a recarga dos cartões nos terminais e em loja que deve ser instalada. Quanto a cobrança de passagem integral de estudantes, o diretor informou que os cobradores sabem da obrigatoriedade da cobrança de meia passagem e informou que vai verificar porque, em alguns casos, houve a cobrança de passagem inteira.

Mauricio Queiroz também disse que a Piracicabana vai participar do processo de licitação e que a empresa não vÊ problemas em comprar uma frota com veículos zero quilômetros como quer a prefeitura. Para operar completamente o sistema são necessários 240 veículos.

Compartilhar
“O espaço para a participação dos ouvintes internautas no site da Rádio Nereu Ramos, tem como missão principal promover o debate dos assuntos de interesse da sociedade e que são abordados pelo jornalismo da emissora.
Comentários que contenham palavrões, ataques e ameaças pessoais ou que incentivem a violência, discriminação ou ódio contra uma pessoa ou grupo de pessoas devido à religião, raça, origem ou ideologia política, serão sumariamente excluídos.
Também não serão permitidas postagens com conteúdo comercial. Ofertas de produtos são proibidas, assim como publicar endereço de sites que façam vendas online e banner publicitários.
A responsabilidade civil e penal sobre o conteúdo publicado é do autor do conteúdo enviado para o site da emissora.”