Definida empresa que fará a obra de prolongamento da Via Expressa

Empresa de São Paulo apresentou menor preço pelo serviço.

A empresa paulista Cetenco Engenharia venceu o processo de licitação para a realização da obra do prolongamento da Via Expressa, o novo traçado da SC-108 entre a BR-470 e início da Serra da Vila Itoupava. Pelo serviço a empresa pediu R$ 138,7 milhões. São R$ 100 mil a menos do que o solicitado pela empresa Infrasul de Joinville, que concorria no processo e apresentou a proposta no valor de R$ 138,8 milhões.  Os envelopes foram abertos nesta quarta-feira em Florianóppolis.

O resultado só será homologado a pós a análise da planilha de custos e publicação do resultado oficial. A obra ainda não tem data para começar. Primeiro é necessário finalizar o Estudo de Impacto Ambiental.

Compartilhar
“O espaço para a participação dos ouvintes internautas no site da Rádio Nereu Ramos, tem como missão principal promover o debate dos assuntos de interesse da sociedade e que são abordados pelo jornalismo da emissora.
Comentários que contenham palavrões, ataques e ameaças pessoais ou que incentivem a violência, discriminação ou ódio contra uma pessoa ou grupo de pessoas devido à religião, raça, origem ou ideologia política, serão sumariamente excluídos.
Também não serão permitidas postagens com conteúdo comercial. Ofertas de produtos são proibidas, assim como publicar endereço de sites que façam vendas online e banner publicitários.
A responsabilidade civil e penal sobre o conteúdo publicado é do autor do conteúdo enviado para o site da emissora.”