CPI marca depoimento de vice-prefeito para o dia 22 de julho

Foto: Jessica de Morais/ CMB

O vice-prefeito Jovino Cardoso Neto, do PSD, será convocado para depor na CPI no dia 22 de julho às 9h. A decisão foi tomada na reunião realizada nesta terça-feira pelos integrantes da Comissão Parlamentar de Inquérito, que investiga denúncias contra Jovino do uso de funcionário do gabinete para trabalho particular em horário de serviço.

Os integrantes da CPI também solicitaram que sejam ouvidos todos os servidores que trabalham no gabinete do vice-prefeito. A justificativa é que eles poderão identificar a presença ou não do servidor Alexandre Pereira, pivô das denuncias, no local de trabalho desde a data da nomeação. Os dez servidores devem ser ouvidos no dia 20 de julho, entre 9h e 12h.

No dia 13 de julho a CPI volta a ouvir os familiares de Alexandre Pereira. Eles foram novamente convocados após as denuncias de que teriam supostamente mentido no depoimento anterior, quando teriam negado contato com o vice-prefeito ou o advogado dele. Uma proprietária de um café denunciou um encontro entre eles no local momento antes do depoimento.

A Comissão Parlamentar de Inquérito volta a se reunir na próxima quinta-feira.

Compartilhe

PinIt
“O espaço para a participação dos ouvintes internautas no site da Rádio Nereu Ramos, tem como missão principal promover o debate dos assuntos de interesse da sociedade e que são abordados pelo jornalismo da emissora.
Comentários que contenham palavrões, ataques e ameaças pessoais ou que incentivem a violência, discriminação ou ódio contra uma pessoa ou grupo de pessoas devido à religião, raça, origem ou ideologia política, serão sumariamente excluídos.
Também não serão permitidas postagens com conteúdo comercial. Ofertas de produtos são proibidas, assim como publicar endereço de sites que façam vendas online e banner publicitários.
A responsabilidade civil e penal sobre o conteúdo publicado é do autor do conteúdo enviado para o site da emissora.”