Concurso Brasileiro de Cervejas 2019 tem mais de 3 mil rótulos inscritos

O Concurso Brasileiro de Cervejas 2019 contará com incremento de 9% no número de inscrições em relação ao ano passado. Ao todo, 3.115 rótulos serão analisados pela equipe de jurados. Também houve aumento de 6% no número de cervejarias inscritas, chegando a 505.

Agora as cervejarias precisam preparar as amostras dos 156 estilos inscritos e enviá-las ao Parque Vila Germânica. O julgamento das amostras inscritas ocorre entre os dias 9 e 11 de março, e a cerimônia de premiação no dia 12 de março, no Salão Nobre do Bela Vista Country Club.

Em 2019, a competição tem seu corpo de jurados composto por 121 profissionais reconhecidos pelo mercado cervejeiro mundial. São 62 brasileiros de 11 estados diferentes, e 59 estrangeiros de 24 países. Alguns jurados fazem parte da Brewers Association, associação americana com mais de 7 mil cervejeiros artesanais e outras empresas do ramo, uma das grandes fomentadoras do mercado cervejeiro nas Américas e no mundo.

O Concurso Brasileiro de Cervejas é uma realização da Associação Blumenauense de Turismo, Eventos e Cultura (Ablutec), em parceria com a Prefeitura de Blumenau, por meio da Secretaria de Turismo e Lazer e do Parque Vila Germânica. A coordenação técnica do concurso é feita pelo Instituto Science of Beer, de Florianópolis. As empresas que patrocinam este evento são: Agrária, Angeloni e Memo.

Fonte: Assessoria PMB

Compartilhar
“O espaço para a participação dos ouvintes internautas no site da Rádio Nereu Ramos, tem como missão principal promover o debate dos assuntos de interesse da sociedade e que são abordados pelo jornalismo da emissora.
Comentários que contenham palavrões, ataques e ameaças pessoais ou que incentivem a violência, discriminação ou ódio contra uma pessoa ou grupo de pessoas devido à religião, raça, origem ou ideologia política, serão sumariamente excluídos.
Também não serão permitidas postagens com conteúdo comercial. Ofertas de produtos são proibidas, assim como publicar endereço de sites que façam vendas online e banner publicitários.
A responsabilidade civil e penal sobre o conteúdo publicado é do autor do conteúdo enviado para o site da emissora.”