Com mais três óbitos, taxa de letalidade da Covid-19 em Blumenau sobe para 1%

Foto: Agência Brasil

Enquanto o número de casos de coronavírus em Blumenau parece estabilizado, a sequência do registro de mortes vem aumentando a taxa de letalidade no município – que é o número de óbitos proporcional ao número de casos.  Nesta terça-feira (25), foram registradas mais três mortes, elevando para 115 o número total de óbitos pela doença na cidade. A taxa de letalidade chegou a 1%.

As vítimas recentes são três mulheres com idade de 73, 74 e 77 anos. Nos últimos três dias, o município registrou sete óbitos. A média é maior do que a semana passada, quando foram contabilizados 14 óbitos no município, entre os dias 16 e 22.

Há 16 dias seguidos que Blumenau registra pelo menos um óbito por dia. Neste período, do dia 10 até o dia este dia 25, 42 pessoas perderam a vida pela doença no município. No mês de agosto são 63 óbitos registrados.

Já o contágio pelo coronavírus dá sinais de estabilidade. Nesta terça-feira foram 69 novos casos, elevando para 11.399 o total de infectados, sendo que 10.705 são considerados recuperados. A cidade tem 579 pessoas em tratamento da Covid-19 com 527 em acompanhamento domiciliar e 52 hospitalizados.

Metade dos leitos de UTI destinados ao tratamento da doença está ocupada. São 48 pessoas, entre moradores de Blumenau e região, ocupando leitos. Restam 46 leitos vagos.

Compartilhar
“O espaço para a participação dos ouvintes internautas no site da Rádio Nereu Ramos, tem como missão principal promover o debate dos assuntos de interesse da sociedade e que são abordados pelo jornalismo da emissora.
Comentários que contenham palavrões, ataques e ameaças pessoais ou que incentivem a violência, discriminação ou ódio contra uma pessoa ou grupo de pessoas devido à religião, raça, origem ou ideologia política, serão sumariamente excluídos.
Também não serão permitidas postagens com conteúdo comercial. Ofertas de produtos são proibidas, assim como publicar endereço de sites que façam vendas online e banner publicitários.
A responsabilidade civil e penal sobre o conteúdo publicado é do autor do conteúdo enviado para o site da emissora.”