Cai nível de endividamento das famílias de Blumenau

Mais da metade das famílias entrevistadas tem dívidas com cartão de crédito. Foto Jaime Batista/Blog do Jaime.

O número de famílias blumenauenses endividadas caiu 10,9% no último ano. Havia 56.071 famílias endividadas em janeiro de 2013, e em janeiro deste ano, o número caiu para 49.932 mil. Os dados são da Pesquisa de Endividamento e Inadimplência do Consumidor, realizada pela Fecomércio, Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo de Santa Catarina, e Sindilojas de Blumenau.

O mesmo aconteceu com as famílias com contas atrasadas. Em janeiro de 2013, havia 16.324 famílias inadimplentes. Em janeiro deste ano, o número caiu para 6.317, o que representa uma queda anual de 61%.

Ainda segundo o estudo, o número das famílias que não têm condições de pagar as dívidas atrasadas também teve queda. Passou de 6.054, em janeiro de 2013, para 2.369, referente ao mesmo mês deste ano.

O cartão de crédito está entre as formas de endividamento mais citadas em Blumenau, com 57,7% das famílias dizendo que possuem dívidas com o cartão em janeiro de 2014. Em segundo lugar, aparece o financiamento de carro, com 33,3% em janeiro de 2013, e 35%, no mesmo período deste ano, seguido do cheque especial, com 15% há um ano, e 16,4%, em janeiro de 2014.

Compartilhe

PinIt
“O espaço para a participação dos ouvintes internautas no site da Rádio Nereu Ramos, tem como missão principal promover o debate dos assuntos de interesse da sociedade e que são abordados pelo jornalismo da emissora.
Comentários que contenham palavrões, ataques e ameaças pessoais ou que incentivem a violência, discriminação ou ódio contra uma pessoa ou grupo de pessoas devido à religião, raça, origem ou ideologia política, serão sumariamente excluídos.
Também não serão permitidas postagens com conteúdo comercial. Ofertas de produtos são proibidas, assim como publicar endereço de sites que façam vendas online e banner publicitários.
A responsabilidade civil e penal sobre o conteúdo publicado é do autor do conteúdo enviado para o site da emissora.”