Blumenauense deve gastar mais no presente de Dia dos Namorados em 2019

Foto: Fredy Vieira / JC

Os blumenauenses apaixonados pretendem gastar mais para presentear o grande amor durante o Dia dos Namorados. É o que revela uma pesquisa feita pela Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo de Santa Catarina (Fecomércio SC). Os consumidores de Blumenau devem desembolsar em média R$ 211,10. O valor é o maior do estado e representa um aumento de 16,8% na comparação com o ano passado, quando a média ficou em R$180,68. Na comparação com a média estadual o valor também ficou acima, o gasto médio dos catarinense neste ano é de R$ 178,53.

O principal destino dos consumidores deve ser o comércio de rua (46,7%). Porém, muitas pessoas também pretendem comprar em shoppings (35,7%). Apenas 4% dos blumenauenses deve comprar pela internet.

Roupas (41,3%), perfumes (20,3%) e calçados (12%) devem liderar a lista de produtos mais procurados na véspera da data. Além dos presentes, 44,7% afirmaram que estão programando almoçar ou jantar em algum restaurante para comemorar a data.

A maioria dos consumidores quer comprar à vista. A opção em dinheiro foi a mais lembrada (60%), seguida pelo parcelamento no cartão de crédito (15,3%) e à vista no cartão de débito (12,7%).

Os dados foram apurados com 2.059 pessoas, entre os dias 14 e 23 de maio, nas cidades de Blumenau, Chapecó, Criciúma, Florianópolis, Joinville, Lages e Itajaí.

Compartilhe

PinIt
“O espaço para a participação dos ouvintes internautas no site da Rádio Nereu Ramos, tem como missão principal promover o debate dos assuntos de interesse da sociedade e que são abordados pelo jornalismo da emissora.
Comentários que contenham palavrões, ataques e ameaças pessoais ou que incentivem a violência, discriminação ou ódio contra uma pessoa ou grupo de pessoas devido à religião, raça, origem ou ideologia política, serão sumariamente excluídos.
Também não serão permitidas postagens com conteúdo comercial. Ofertas de produtos são proibidas, assim como publicar endereço de sites que façam vendas online e banner publicitários.
A responsabilidade civil e penal sobre o conteúdo publicado é do autor do conteúdo enviado para o site da emissora.”