Assistência Social faz balanço de ações durante pandemia

Desde o início do isolamento social em Blumenau no dia 19 de março, a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social (Semudes) realizou aproximadamente 25 mil atendimentos para as famílias em vulnerabilidade social. Eles resultaram no repasse de 8.750 benefícios da Política de Assistência Social, ou seja, um aumento de quase 500% em relação aos outros períodos. Destes atendimentos, 2.600 foram para cestas básicas e 3.150 para recursos financeiros. Além disso, 11 mil máscaras e 3 mil cestas básicas para alunos do Programa Bolsa Família também foram distribuídas pela secretaria.

Já a parceria com a Secretaria de Defesa Civil (Sedeci), possibilitou que fossem coletados por meio da central de arrecadação de donativos, localizada na Secretaria Municipal da Família (Pró-família), 41,5 toneladas de alimentos, 2.187 produtos de higiene, 2.367 produtos de limpeza e 467kg de ração.

Outra ação da Secretaria foi a contratação de diversos profissionais para o atendimento da população. Entre eles estão 33 educadores sociais, quatro assistentes sociais e mais três trabalhadores de outras áreas. A capacidade de acolhimentos de moradores de rua também foi aumentada com a criação de dois novos abrigos. Atualmente o município conta com três estruturas destinadas a esse público: Amblu, Escoteiro Cruzeiro do Sul e a Igreja Evangélica Livre (IELB).

No próximo sábado e domingo, dias 23 e 24, a Semudes ainda realizará um mutirão nos CRAS da Velha, do Garcia e das Itoupavas. A medida busca solucionar a demanda reprimida da população, que precisa receber benefícios. O atendimento será feito com hora marcada, previamente agendada por meio de telefone, pelos servidores da assistência social, visando prevenir a contaminação do Coronavírus.

Compartilhar
“O espaço para a participação dos ouvintes internautas no site da Rádio Nereu Ramos, tem como missão principal promover o debate dos assuntos de interesse da sociedade e que são abordados pelo jornalismo da emissora.
Comentários que contenham palavrões, ataques e ameaças pessoais ou que incentivem a violência, discriminação ou ódio contra uma pessoa ou grupo de pessoas devido à religião, raça, origem ou ideologia política, serão sumariamente excluídos.
Também não serão permitidas postagens com conteúdo comercial. Ofertas de produtos são proibidas, assim como publicar endereço de sites que façam vendas online e banner publicitários.
A responsabilidade civil e penal sobre o conteúdo publicado é do autor do conteúdo enviado para o site da emissora.”