Após empate, Metropolitano vira lanterna e faz contas para fugir do rebaixamento

Divulgação/Metropolitano.

Uma vitória inédita na história contra o Figueirense no Orlando Scarpelli, em Florianópolis, e dois resultados favoráveis em outras partidas são as necessidades do Metropolitano para escapar do rebaixamento pelo Campeonato Catarinense 2017. A missão que não depende apenas do time blumenauense, poderia ser diferente, caso o Metrô tivesse vencido o Cricíuma no último sábado, no estádio do Sesi.

Após sair na frente com Trípodi, tomar a virada e empatar com Paulo Vitor, o time de Blumenau não conseguiu fazer o terceiro gol e fechou a partida em 2 a 2. O jogador argentino do Metropolitano ainda teve uma oportunidade em baixo do gol sem goleiro, no último segundo de jogo, mas passou da bola, chutou fraco e viu o zagueiro salvar em cima da linha.

Agora, tudo ficou para a última rodada. O Metrô vai até Floripa, onde enfrenta o Figueirense, no Orlando Scaperlli. Palco onde o time blumenauense nunca venceu o adversário. Além de precisar da vitória, o Metrô ainda tem que torcer por derrotas ou empates de Inter de Lages, que pega o Avaí em casa, e Almirante Barroso, que recebe o Tubarão. Todos os jogos acontecem às 16h de domingo (23).

Compartilhe

PinIt
“O espaço para a participação dos ouvintes internautas no site da Rádio Nereu Ramos, tem como missão principal promover o debate dos assuntos de interesse da sociedade e que são abordados pelo jornalismo da emissora.
Comentários que contenham palavrões, ataques e ameaças pessoais ou que incentivem a violência, discriminação ou ódio contra uma pessoa ou grupo de pessoas devido à religião, raça, origem ou ideologia política, serão sumariamente excluídos.
Também não serão permitidas postagens com conteúdo comercial. Ofertas de produtos são proibidas, assim como publicar endereço de sites que façam vendas online e banner publicitários.
A responsabilidade civil e penal sobre o conteúdo publicado é do autor do conteúdo enviado para o site da emissora.”