Aeroporto de Navegantes deve ser privatizado em 2020

Foto: Divulgação

O aeroporto de Navegantes será concedido à iniciativa privada até o fim de 2020. A garantia foi dada pelo ministro Tarcísio de Freitas, da Infraestrutura, em reunião com o governador Carlos Moisés em Brasília na tarde desta quarta-feira, 8. Enquanto os estudos de viabilidade da concessão não ficam prontos, o Governo Federal decidiu manter o plano de investimento no atual terminal, que será reformado para melhor atender os passageiros.

Segundo o governador Moisés, o edital de concessão deve prever um novo terminal e nova pista no aeroporto que atende a maior parte do Vale do Itajaí, a região mais populosa de Santa Catarina.

“Queremos passar uma mensagem de tranquilidade. O aeroporto de Navegantes vai ser qualificado no Programa de Parcerias e Investimentos (PPI) e vai a leilão no ano que vem. Nós temos (também) uma pauta de investimentos para adequar a demanda que já existe. Isso de forma nenhuma compromete a concessão que vai ser feita. Pelo contrário, vai trazer mais atratividade. Assim que esse aeroporto for concedido, nós vamos ter uma pauta de investimentos ainda maior para adequar o aeroporto aos padrões internacionais. Então nós vamos ter a conjugação de investimentos feitos pela Infraero e investimentos feitos pela iniciativa privada a partir da concessão”, afirmou o ministro Tarcisio, ao lado do governador.

Compartilhar
“O espaço para a participação dos ouvintes internautas no site da Rádio Nereu Ramos, tem como missão principal promover o debate dos assuntos de interesse da sociedade e que são abordados pelo jornalismo da emissora.
Comentários que contenham palavrões, ataques e ameaças pessoais ou que incentivem a violência, discriminação ou ódio contra uma pessoa ou grupo de pessoas devido à religião, raça, origem ou ideologia política, serão sumariamente excluídos.
Também não serão permitidas postagens com conteúdo comercial. Ofertas de produtos são proibidas, assim como publicar endereço de sites que façam vendas online e banner publicitários.
A responsabilidade civil e penal sobre o conteúdo publicado é do autor do conteúdo enviado para o site da emissora.”