Acusados de homicídio e ocultação de cadáver são julgados em Pomerode

Foto: Testo Notícias.

Jeremias Conrado Wolter, de 20 anos, e Jôse Ady Maria Frotscher Barão, de 29, foram julgados nesta quarta-feira (13), em Pomerode, pela morte de Danys Clay Bugmann, de 42 anos. O casal era acusado de homicídio duplamente qualificado e ocultação de cadáver. Porém, a mulher foi absolvida do assassinato e condenada apenas pela ocultação de cadáver. Já Jeremias recebeu a condenação por ambos os crimes.

De acordo com o júri, Jôse não participou do homicídio, mas ajudou o companheiro a esconder o corpo. A pena, que seria de um ano e dez dias, mais multa, recebeu reduções e finalizou em sete meses e seis dias, podendo ser em liberdade com o cumprimento de serviços a comunidade. Como ela estava presa há cerca de uma no, a pena foi excluída.

Já Jeremias, preso desde o dia 31 de março do ano passado, foi condenado em 15 anos e 10 dias de prisão. Ele confessou o crime, alegando que flagrou a vítima tentando abusar de Jôse, sua companheira. A defesa pode recorrer a sentença em até cinco dias.

Relembre o caso:

Jeremias Conrado Wolter, na epóca com 19 anos, natural de Indaial e morador de Pomerode, foi preso nesta quinta-feira (31), após ter confessado matar Danys Klay Bugmann, de 43 anos. Segundo relatos de Wolter, o homicídio aconteceu porque a vítima tentou estuprar a mulher dele, Jôse Ady Maria Frotscher Barão. Ainda segundo o suspeito, o caso teria acontecido no sábado, dia 26, mas foi descoberto apenas nesta quinta-feira (31), pela Polícia Civil.

Danys era proprietário da residência onde Jeremias e a mulher moravam de aluguel, no Bairro Testo Central. O suspeito contou com detalhes, que flagrou a vítima de roupas intimas dentro do imóvel, tentando abusar sexualmente a esposa dele. Por conta disso, ele teria mandado ela sair da casa e logo em seguida, com golpes de jiu-jitsu, marteladas, tijoladas e facadas, matado o homem. Em seguida, ele conta ainda que enrolou o corpo de Danys em uma coberta, jogou gasolina e ateou fogo, para tentar esconder as provas.

 

Compartilhe

PinIt
“O espaço para a participação dos ouvintes internautas no site da Rádio Nereu Ramos, tem como missão principal promover o debate dos assuntos de interesse da sociedade e que são abordados pelo jornalismo da emissora.
Comentários que contenham palavrões, ataques e ameaças pessoais ou que incentivem a violência, discriminação ou ódio contra uma pessoa ou grupo de pessoas devido à religião, raça, origem ou ideologia política, serão sumariamente excluídos.
Também não serão permitidas postagens com conteúdo comercial. Ofertas de produtos são proibidas, assim como publicar endereço de sites que façam vendas online e banner publicitários.
A responsabilidade civil e penal sobre o conteúdo publicado é do autor do conteúdo enviado para o site da emissora.”